• Flavio Moreira

Mudar dá trabalho!

Quão disposto(a) você está para pagar o preço pela jornada que te leva até o seu sonho?

Foto por jesse orrico no Unsplash


Mudança dá trabalho mesmo! Passar pelas turbulências e ainda ter que se ADAPTAR a elas demanda esforço, ação, foco e disciplina. Fácil, fácil não é... Mas concorda comigo que é plenamente possível?


Não dá para gerar transformAÇÃO sem agir. Até porque, se você não agir não tem mudança. O seu cérebro sempre vai buscar maneiras de economizar energia procurando manter os comandos que já são automático.

Porém, quem dá esses comandos ao cérebro é você por meio do que você mais comunica a ele. Logo, o cérebro é obrigado a fazer o que você manda.


Esse comando acontece na forma do que você acredita através da sua linguagem, seus diálogos internos e comunicação com as pessoas.


Atenção a sua linguagem. Ela é o que mais define suas crenças.


É preciso estar constantemente atento aos seus pensamentos, pois é lá que tudo começa. Pensamentos ruins se desdobram em sentimentos negativos, que logo, vão gerar comportamentos indesejáveis, que não contribuem para o convívio com os outros, as vezes, ou que podem ser prejudiciais a sua saúde.


A tão famosa passagem bíblica orai e vigiai trata exatamente disso. A nossa vigilância aos nossos pensamentos deve ser constante.


Uma rápida história


Já há alguns anos, eu tive uma série de acontecimentos na minha vida que eram para mim não só inacreditáveis por estarem acontecendo, como eu os classificava como desanimadores.


O engraçado é que meses antes desses fatos indesejáveis iniciarem estava tudo dando certo! Era uma alegria só. Mas bastou um acontecimento realmente grave acontecer que parece que um portal para coisas ditas RUINS começarem a se fazer presentes.


Foi uma sequência máxima de coisas que eu queria fugir! As vezes dava vontade de desaparecer e fazer com que aquilo não passasse de um grande pesadelo.


Porém, é ai que a magia acontece... Não entendeu? te explico...


Eu trazia um significado para esses acontecimentos como algo RUIM. E enquanto eu enxergava aquelas coisas dessa forma e focava nisso, mais eu via e tinha daquilo tudo.


Não é o que acontece com você, mas o significado que você dá ao que te acontece que determina como você vai se comportar. Anthony Robbins

É como um carro que perde o controle na pista e o motorista dá atenção ao muro que se aproxima e olha fixamente para ele, quando na verdade deveria se concentrar ao volante para evitar a colisão com o muro.


É como a frase dita por Frederich Nietzche:


Quando se olha muito tempo para um abismo, o abismo olha para você. Frederich Nietzche

Brilhante reflexão! Onde está o seu foco, lá estará o resultado que você vai colher. E mais daquilo você terá na sua vida. É como se fosse um processo inevitável.


No momento em que passamos hoje, na luta contra uma pandemia não prevista pela maioria de nós, o desespero parece ter tomado conta de muita gente.


São muitos os entregues à situação. São muitas as pessoas vivendo o medo, a separação, o descontrole, a insatisfação, o ódio e a reclamação. Quando na verdade poderíamos parar por alguns minutos e perguntar:


  • O que esse momento vem me ensinar?

  • O que de transformação somente esse momento pode me levar no caminho da minha evolução?

  • Que aspectos das minhas emoções essa fase está me exigindo trabalhar para que eu esteja mais forte nas futuras crises, sejam elas de ordem pessoal ou global?

  • O que o mundo está tendo de mudanças positivas diante de tudo isso?


São simples reflexões que nos fazem avaliar um outro lado das coisas. Um lado que pouco você vai achar nos telejornais ou nos sites de notícia. Um lado que deixa a sua mente mais saudável sem negar o problema, sabendo verdadeiramente de sua existência, mas consciente das suas reais transformações positivas.


Nesse vídeo eu falo sobre esse assunto com mais detalhes.

Assine os meus podcasts Vem Cmg e Vem Cmg Expresso em seu agregador de podcast favorita ou no Spotify e tenha acesso a mais de 800 minutos de conteúdo sobre desenvolvimento pessoal e histórias inspiradoras. E siga o canal do podcast no YouTube! Só não esqueça de tocar o sino para ser notificado dos novos vídeos publicados toda semana por lá.

0 visualização0 comentário